Desvende o que há por trás da maçonaria

Apesar de não ser uma sociedade secreta, a maçonaria é tão intrigante e misteriosa quanto uma. É uma das maiores e mais antigas sociedades fraternais que guardam segredos.

Já foi muito influente no passado, tendo participado diretamente em diversas revoluções. Atualmente, acredita-se que ela não possui poder tão grande de inferência na sociedade.

olho-tudo-ve

Seus 6 milhões de membros no mundo incluem personalidades famosas. Figuras como Hugo Chávez, ex-presidente venezuelano, Winston Churchill, primeiro ministro britânico da década de 50, e o autor da série Sherlock Holmes, Conan Doyle também foram maçons.

O político e ambientalista Al Gore e Silvio Berlusconi, empresário e político italiano, também pertencem à fraternidade.

algore-berlusconi

Os primeiros maçons eram pedreiros

A origem da maçonaria é controversa. Alguns acreditam que os primeiros maçons eram egípcios, outros dizem que os primórdios estavam entre os arquitetos do templo do Rei Salomão. Há ainda quem diz que eles surgiram durante as cruzadas. Historicamente os primeiros registros datam do final da Idade Média, em canteiros de obras ingleses.

Na época, os pedreiros eram também os engenheiros e os arquitetos. O termo utilizado era mason que significa construtor. As principais instruções da profissão eram passadas apenas para aqueles que fossem mais confiáveis.

Eles se reuniam nos lodges, lojas maçônicas. A Grande Loja de Londres nasceu em 1717 com a intenção de unir os vários maçons espalhados pela cidade. Lá eram discutidas questões relacionadas à construção civil, além de assuntos ligados a políticos e militares.

grande-loja-maconica-londres-inglaterra

Os maçons na política

A partir de então, nas próximas décadas, a maçonaria se tornou muito forte. Durante o período da independência americana, muitos aspectos fundamentais foram discutidos dentro das lojas e realizados pelos membros da irmandade.

Os líderes revolucionários Benjamin Franklin, famoso por descobertas envolvendo a eletricidade, e George Washington, que viria a ser o primeiro presidente dos Estados Unidos, pertenciam à irmandade. A cidade de Washington, capital americana, possui vários símbolos arquitetônicos que fazem referencia à maçonaria.

benjamin-franklin-george-washington

Poucos anos depois, em 1789, os maçons, também estavam na Revolução Francesa. O Marselhesa, atual hino da França, foi composto em uma loja maçônica. Em seguida, a fraternidade foi a base para a criação de uma sociedade secreta que faria uma revolução na Itália.

No final do século XIX, os sul-americanos Bernardo O’Higgins, José de San Martín e Simón Bolívar frequentaram uma loja maçônica britânica. Voltaram para os seus países, respectivamente, Chile, Argentina e Venezuela, onde lideraram as revoluções de independência colonial.

É preciso crer no grande arquiteto

Os membros maçônicos têm como mentor espiritual o Grande Arquiteto do Universo, menção à deus tido como planejador e criador do universo. Dado esse aspecto, é imprescindível que todo membro tenha fé em um deus.

A crença é indiferente, por isso há diferentes livros considerados sagrados nas lojas. Desse modo, para evitar controvérsias, a religião não é um assunto discutível entre eles.

Além de ter fé em Deus e ser homem (algumas organizações permitem mulheres se tornarem maçons, embora com uma serie de condições), é preciso ser maior de 18 anos , possuir endereço fixo e ser seu próprio provedor financeiro para fazer parte da ordem. Caso tenha esposa, ela precisa aprovar a vontade do marido.

Apesar de terem uma postura tolerante em relação a religião, só são aceitos heterossexuais na maçonaria, pois acreditam que  homossexuais não representam uma família.

Possuir todos esses pré-requisitos não é suficiente para poder participar, é preciso receber um convite de algum membro da maçonaria. Além disso, é necessário passar por outra tiragem. Vida profissional, antecedentes criminais, aspectos financeiros e até os amigos são analisados por um período de 6 à 12 meses.

Em seguida, os membros fazem uma votação para decidir se o suposto candidato pode entrar para a fraternidade. Para ser aceito é preciso receber o “sim” de todos os membros. Então, é realizado um ritual de inicialização, no qual é realizado o pacto de silêncio da irmandade.

ritual-inicializacao-maconaria

Os irmãos maçônicos se comprometem a ajudar uns aos outros. E devem seguir mandamentos rigorosos de conduta pessoal, que eles acreditam tornar o homem melhor.

Para muitos, entrar para a irmandade traz muito benefícios pessoais. Ganham confiança e trocam ensinamentos uns com os outros.

Códigos secretos

Apesar dos membros desmentirem, reza a lenda que os maçons possuem códigos e linguagens secretas que os permitem identificar perante um outro membro em qualquer local e situação.

Um dos símbolos maçônicos é o “olho que tudo vê“, curiosamente, esse mesmo símbolo está retratado nas notas de um dólar americano. Além disso, o emblema está desenhado sobre uma pirâmide, essa que se relaciona com os supostos arquitetos maçônicos egípcios.

cedula-um-dolar

O que torna tudo ainda mais intrigante  é o fato do já citado líder revolucionário Benjamim Franklin ter participado da elaboração da cédula.

3 Comentários

Adicione um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

loading...